Acidente na BR-101 deixa 3 mortos e uma criança ferida

1

Um acidente na BR-101 na manhã de desta sexta-feira (17/01), deixou 3 pessoas mortas e uma criança ferida.

Um veículo modelo S10, de cor cinza, placa CWE 9901, bateu de frente com um caminhão de boi próximo a cidade de Arataca.

João Edvan Ribeiro de Souza, 46 anos, sua filha Kelen de Araujo Souza, 17 anos e Guilherme Rebouças da Silva,19 anos, morreram no acidente.

Emerson Araújo Aquino, 10 anos, sofreu uma fraturas no pulso e no fêmur esquerdo. Ele foi levado para o Hospital Manoel Novaes, onde chegou desacordado. Por volta das 9h30 da manhã foi encaminhado para o Calixto Midlej Filho onde passa por uma tomografia.

Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Itabuna.

A mãe da criança, Celina Furtado de Araújo mora em São Paulo e já foi informada do acidente. Ela deve vir à Itabuna nos próximos dias.

Comentários

Mais notícias

Ex do cantor Moreno do Caprixo se defende e revela que foi agredida pelo cantor

larissa
foto: facebook

Larissa Villaça, acusada de ter esfaqueado seu ex-marido, o cantor Moreno do Caprixo, usou a sua página do facebook para se manifestar em relação ao que ocorreu na última sexta (24) entre o ex casal. Segundo Larissa, ela feriu Moreno para se defender e que essa não foi a primeira vez que foi agredida pelo ex-marido:

“As pessoas que realmente me conhece sabem o quanto esta cendo dificil pra mim posta essas fotos nao aguento mais ser amecada de morte e defafamada .Deus sabe que foi em legitama defeza se nao fosse eu teria postado a milhares de vez apanhei e fiquei com rosto todo deformado so na boca levei 11 pontos. Tem tudo isso registrado no hospital de base em itabuna e tam tem resgistrdo dua facadas que ele mesmo se deu.”

10743267_570697649697039_695238293_n
foto: facebook
10743735_572023996231071_282272449_n
foto: facebook

Juiz decreta internação de menor que matou 3 em Itabuna

Capturar

O juiz da Vara da Infância e Juventude de Itabuna, Marcos Bandeira, decretou a internação provisória de um adolescente de 17 anos que confessou três assassinatos, dentre eles o do sindicalista Moisés Silva Ribeiro, dirigente do Sindlimp em Itabuna. A decisão de internação do adolescente foi tomada após o magistrado interrogá-lo hoje (28). O adolescente foi apreendido no último domingo, após roubar dois celulares de uma mulher no Bairro Jardim Primavera.

Diante do juiz Marcos Bandeira, do promotor Dioneles Leonis e do defensor público Washington Luis Pereira Andrade, o adolescente confessou os três assassinatos. O primeiro homicídio ocorreu em março deste ano e a vítima chamava-se “Morte”. Segundo o adolescente, o algoz foi morto por causa de dívidas de drogas. Já a adolescente Brenda, que era uma espécie de alcaguete, foi morta a tiros. O adolescente Carlos efetuou dois disparos e comparsas efetuaram os demais disparos.

O assassinato do sindicalista Moisés Ribeiro foi cometido, segundo o adolescente, a mando do presidiário conhecido como “Rio do Meio”, de dentro do Conjunto Penal de Itabuna. Neste último, segundo o adolescente, um dos comparsas, Alef, cortou a orelha da vítima para servir de prova para mostrar ao mandante.

Após o interrogatório, o juiz Marcos Bandeira decretou a internação provisória do adolescente por 45 dias e determinou o seu imediato encaminhamento para o CASE, em Salvador. No dia 19 de novembro, haverá a audiência de instrução e julgamento, quando o jovem poderá ser condenado a cumprir a medida definitiva de internação por até 3 anos em Salvador, prazo máximo previsto pela legislação para o caso.

Fonte: Pimenta

Veja também: 

 

Mais Notícias