Apresentadora chama DJ de “machista” durante transmissão ao vivo

Durante uma entrada, ao vivo, para apresentar o festival de música Lollapalooza, a apresentadora Titi Müller criticou o DJ, produtor e compositor israelense Asaf Borgore, uma das principais atrações do segundo dia do evento.

“As letras compostas por ele, extremamente machistas, misóginas e babacas mesmo, foram ganhando visibilidade e obviamente muitas críticas”, disse Titi, ao apresentar a atração.

“Apesar de compor letras do tipo ‘aja como vadia, mas antes lave a louça’… Eu nem sei como interpretar isso. Ele falou que era só um personagem, mas… Querido, na próxima encarnação, invente um personagem melhor”, ironizou a apresentadora.

“Eu gostaria de dizer que machistas não passarão neste canal, mas vai, vai passar agora no Palco Perry. É isso aí Borgore, vai que é tua, querido”, disse, antes de entrar as imagens do show, que logo foram cortadas.

“Quem quiser assistir o Borgore vai lá no site do Multishow, que vai passar tudo, na íntegra. Sendo machista ou não”, finalizou.

 

Comentários

Mais notícias

Mais Notícias