Atleta itabunense disputará troféu de MMA em Ipiaú

1455860_186534741550139_1483828684_n

Itabuna – Sérgio Leal, atleta Itabunense da academia Gracie Barra, competirá no próximo sábado (21/12) na cidade de Ipiaú, ele disputará o troféu de MMA na categoria 66 Kg no campeonato Gold Fight.

O atleta que treina desde 12 anos e luta profissionalmente desde 2006, conta que a preparação é puxada e requer muita disciplina, ele treina três vezes por dia, e disse que sua dieta é rigorosa, a base de proteína e folhas.

1463874_186537614883185_1569402469_n

 

Sérgio possui vários títulos, como Pira Fight, Mega Fight, Evolution Fight, Tan Lan Fight, Super Chalenge, Dragon Fight, Interior Fight I e II, O Gladiador, Lions FC e Barra Fight BFC.

Ele iria disputar o Interior Fight III, no entanto, por falta de patrocinadores do evento que acontece em Rio Preto, interior de São Paulo, o campeonato foi cancelado. Esse fato ressalta a importância de patrocinadores apoiarem tanto atletas, quanto eventos deste porte.

O campeão relembra que quando foi disputar a segunda edição do Interior Fight em São Paulo, contou com o apoio de vários empresários da cidade, Climetran, Auto Escola Regional, Realce Car, Pizzaria Taberna, Academia Impacto, loja de suplementos SNC e a academia Gracie Barra.

1472799_186534571550156_1627116406_n

1477677_186537521549861_1030473220_n

Comentários

Mais notícias

FIFA divulga ranking com Brasil longe das primeiras posições

Alemanha-2

A Federação Internacional de Futebol divulgou o ranking de seleções nesta quinta-feira (18). O Brasil manteve-se na 6ª posição, enquanto seleções campeãs mundiais como Itália e Inglaterra, sequer figuram entre os dez primeiros.

Atual campeã da Copa do Mundo, a Alemanha figura na primeira posição, seguida pela Argentina, finalista na mesma competição. As duas seleções são seguidas pela surpreendente Colômbia, Bélgica e Holanda, as duas últimas chegaram à copa como promessas de boas exibições e não decepcionaram.

Os critérios adotados para qualificar as seleções são simples, basta vencer jogos ter projeção significativa no ano. O cálculo é feito da seguinte forma: P = R x I x S x C, onde ‘P’ significa pontos, ‘R’ resultados, ‘I’ importância da partida, ‘S’ força da seleção adversária, ‘C’ força da confederação continental.

O ranking da FIFA é atualizado a cada ano, o que motiva as seleções as seleções de menor porte e que ainda não foram campeãs do mundo. Caso a lista fosse feita com base somente em títulos, seria quase impossível desbancar Brasil (5), Itália (4) e Alemanha (3).

Confira as dez melhores classificadas:

1 – Alemanha – 1725 pontos

2 – Argentina – 1538

3 – Colômbia – 1450

4 – Bélgica – 1417

5 – Holanda – 1374

6 – Brasil – 1316

7 – Portugal – 1160

7 – França – 1160

9 – Espanha – 1142

10 – Uruguai – 1135

 

Fonte: Varela

Itabuna: São Lourenço vence o Campeonato Interbairros de futebol

Elisiário Santos servidor público  aposentado e homenageado entregou a taça de campeão - FOto Pedro Augusto

O São Lourenço conquistou o título do Campeonato Interbairros de Futebol de Itabuna, na manhã deste domingo, no Estádio Luís Viana Filho, com um gol marcado por Patrick, o sexto jogador a cobrar tiros livres (pênaltis). Com um estádio lotado e uma torcida eufórica aos gritos de “é campeão, é campeão!”, a partida contra o Sarinha terminou com empate de 1a 1 no tempo normal de jogo.

Cerca de cinco mil torcedores compareceram ao estádio e apreciaram um bom jogo nessa retomada do esporte amador da cidade que visa não somente o entretenimento como também a interação da população de Itabuna. No primeiro tempo a partida foi muito equilibrada e o placar não saiu do zero.

Na segunda etapa, o São Lourenço abriu o placar com o zagueiro All, numa falta que foi cobrada para o centro gol e levou a torcida ao delírio. O jogador Nem entrou em campo pelo Sarinha e aos 40 minutos, também de cabeça, empatou a partida.

Segundo o secretário municipal de Esporte e Recreação, Evans Maxwel Silva, as duas equipes já foram vitoriosas por estar na final diante de 54 seleções que participaram da competição. “A vitória do São Lourenço garante um título inédito para a equipe. Estamos muito satisfeitos em colaborar para o sucesso do Campeonato e participar juntamente com os torcedores, desse grande momento para o futebol da nossa cidade”, destacou o secretário.

Para o técnico do São Lourenço, Agnaldo Almeida do Vale, Zoli, o time se mostrou confiante, mesmo com as mudanças táticas que foram feitas para o jogo da final. “É muito bom fazer parte da alegria desses jovens jogadores e de toda a comunidade do bairro São Lourenço. Hoje, sabemos que começamos a escrever outra história para o futebol local. Sempre soube da capacidade do nosso time. Com fé e foco psicológico e físico para conseguir entregar esse título para a nossa comunidade”, disse o técnico.

A seleção campeã atuou com Murilo: Galego, Téo (Darlan), An e Alex (Rafael); Badu, Dente, Binha e Ito; David (Patrick) e Gugu (Gil Bugica). O Sarinha, vice-campeão, jogou com: Genilson: Marcelinho, Tizinho, Léo e Moura (Ném): Galego (Ginaldo), Tica (Claudinho), Nego e Adilton; Danilo e Bolot. O técnico é Tute, A arbitragem foi de Raimundo Rodrigues, auxiliado por Paulo Avelino e Valdir Dias.

 

 

 

Mascotes de 2016 recebem os nomes de Vinícius e Tom

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.AFaw2ql02s

Apresentados no mês passado, as mascotes dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016 tiveram seus nomes anunciados no fim da noite de domingo. O mascote olímpico, inspirado na fauna do país, se chamará Vinícius, enquanto o paralímpico, que homenageia a flora brasileira, se chamará Tom. O anúncio dos nomes das mascotes foi feito no programa Fantástico, da Rede Globo. Os nomes foram eleitos a partir de votação popular, pela internet e em totens instalados em diversos locais. Vinícius e Tom receberam 44% dos votos. Já Oba e Eba haviam sido a opção de 38% dos participantes. Tiba Tuque e Esquindim, a terceira opção de nomes, tiveram 18% da preferência do público. Os nomes Vinícius e Tom são uma homenagem a dois grandes nomes da música popular brasileira. O mascote da Olimpíada representa a diversidade dos animais do País – tem a agilidade dos felinos, o gingado dos macacos e a leveza dos pássaros. Assim como o mascote da Paralimpíada, que é uma mistura da flora brasileira, tem uma cabeleira de folhagens tropicais e mora na Floresta da Tijuca. Para chegar aos personagens, o Comitê Rio 2016 fez uma concorrência para o mercado nacional. O vencedor foi a Birdo Produções, de São Paulo, que assina o projeto, e contou com a chancela de um júri de 14 pessoas e dos diretores do Festival Anima Mundial.

 

Informações: Bahia Notícias

Mais Notícias