Atleta itabunense disputará troféu de MMA em Ipiaú

1455860_186534741550139_1483828684_n

Itabuna – Sérgio Leal, atleta Itabunense da academia Gracie Barra, competirá no próximo sábado (21/12) na cidade de Ipiaú, ele disputará o troféu de MMA na categoria 66 Kg no campeonato Gold Fight.

O atleta que treina desde 12 anos e luta profissionalmente desde 2006, conta que a preparação é puxada e requer muita disciplina, ele treina três vezes por dia, e disse que sua dieta é rigorosa, a base de proteína e folhas.

1463874_186537614883185_1569402469_n

 

Sérgio possui vários títulos, como Pira Fight, Mega Fight, Evolution Fight, Tan Lan Fight, Super Chalenge, Dragon Fight, Interior Fight I e II, O Gladiador, Lions FC e Barra Fight BFC.

Ele iria disputar o Interior Fight III, no entanto, por falta de patrocinadores do evento que acontece em Rio Preto, interior de São Paulo, o campeonato foi cancelado. Esse fato ressalta a importância de patrocinadores apoiarem tanto atletas, quanto eventos deste porte.

O campeão relembra que quando foi disputar a segunda edição do Interior Fight em São Paulo, contou com o apoio de vários empresários da cidade, Climetran, Auto Escola Regional, Realce Car, Pizzaria Taberna, Academia Impacto, loja de suplementos SNC e a academia Gracie Barra.

1472799_186534571550156_1627116406_n

1477677_186537521549861_1030473220_n

Comentários

Mais notícias

Anderson Silva fala sobre doping: “Muito ruim para mim e o esporte”

anderson

“Sumido” da mídia desde a divulgação dos resultados positivos de seus exames antidoping pré-luta e pós-luta contra Nick Diaz no UFC 183, o lutador brasileiro Anderson Silva reapareceu nesta quarta-feira, em vídeo publicado pelo site especializado em celebridades “TMZ Sports”. “Spider” foi parado do lado de fora de um restaurante em Los Angeles, onde mora, e respondeu a perguntas sobre a presença de substâncias proibidas em seu organismo nos testes.

– Eu não sei o que aconteceu. Estou surpreso. Quando meu manager me ligou e disse, “Você tem um problema, porque você foi pego no teste na comissão, é ruim”, eu disse, “O que?” Eu não sei o que aconteceu – declarou Anderson ao site.

O ex-campeão dos pesos-médios comentou a especulação de que teria usado drostanolona e androsterona para ajudar na recuperação da perna esquerda, que fraturou numa luta contra Chris Weidman em dezembro de 2013. Ele disse ter ouvido sobre essa possibilidade, mas que não acredita que essa seja a razão do exame positivo.

– Sim, mas eu acho que não. Eu preciso checar todos os suplementos que uso, porque nunca falhei com a comissão e neste esporte. Eu estou muito feliz porque a comissão me ajuda, e eu ajudo a comissão, vou trabalhar junto com a comissão, porque acho que isso é ruim para o esporte. É tão ruim para mim e minha vida, porque nunca usei nada para mudar minha performance na luta – lamentou.

Anderson Silva ainda negou que sua reputação esteja manchada e afirmou que espera voltar a lutar em 2016.

– Acho que não (manchou meu legado). Vou esperar meu médico e o médico da comissão, pelos testes de todos os suplementos, e quando a comissão disser que acabou, vou voltar a lutar e vou falar com os meus fãs. Acho que no ano que vem (volto a lutar).

Spider ainda comentou o desejo da equipe de Nick Diaz de que o resultado da luta, vencida pelo brasileiro por decisão unânime, fosse anulado.

– Acho que deveríamos dar a revanche para o Nick. Sim, claro. Estou pronto. Eu respeito a comissão. Quando tudo isso acabar, eu vou enfrentar Nick de novo.

Ele insistiu no tema quando foi indagado sobre a potencial aposta de US$ 1,6 milhão do rapper e ator 50 Cent na vitória de Floyd Mayweather contra Manny Pacquiao.

– Ei, 50, você precisa colocar esse dinheiro na minha próxima luta contra Nick Diaz! – brincou.

Fonte: Sport Tv Combate

Divulgadas as medalhas dos Jogos Pan-Americanos e Parapan-Americanos

medals-unveil-12

O Comitê Organizador dos Jogos Pan-Americanos e Parapan-Americanos de 2015, em Toronto, apresentou, nesta terça-feira (3), as medalhas de ouro, prata e bronze que serão distribuídas aos atletas na competição. As honrarias foram desenhadas e produzidas pela Royal Canadian Mint, a casa da moeda canadense. Serão produzidas 4.283 medalhas para premiar os três primeiros colocados de cada uma das 825 provas, além das 15.664 medalhas de participação.

As medalhas trazem três esferas, simbolizando as Américas do Norte, do Sul e Central. Em seu processo de confecção, utilizou-se a técnica Mokume Gane, que surgiu no Japão, em 1600, e possibilita que diferentes ligas de metais sejam fundidas. Por fim, os dois lados da medalha trazem pictogramas representando o esporte olímpico, com o termo “Toronto 2015″ em braille, na parte de trás de cada medalha.

Cada medalha pesa cerca de 350g e utilizaram, em sua fabricação, metais de três partes das Américas: o cobre foi extraído na mina de Zaldívar, no Chile, a prata, da mina de Pueblo Viejo, na República Dominicana e o ouro da mina de Hemlo, em Ontário, no Canadá. A artista de origem métis (um dos povos aborígenes do Canadá) Christi Belcourt colaborou com a concepção das medalhas.

Os Jogos Panamericanos de Toronto começam no dia 10 de julho e os Parapan-Americanos, no dia 7 de agosto.

Seleção alemã de futebol poderá ter museu em Santa Cruz Cabrália

bastian-schweinsteiger_festaalemanha_get_95 Depois que a seleção alemã de futebol passou por Santa Cruz Cabrália, durante a Copa do Mundo de 2014, e se encantou com as belas praias e a cultura dos índios pataxós, o município baiano da Costa do Descobrimento quer estreitar ainda mais os laços com aquele país. Por esse motivo, vai doar um imóvel no centro antigo da cidade para a construção de um museu que retrate a passagem dos campeões do mundo por lá.

De 4 a 8 de março, o município participa da ITB Berlim 2015 – 49ª Feira Internacional de Turismo, acompanhando a equipe da Bahiatursa e integrantes do trade, que marcam presença na maior feira do segmento no mundo, em parceria com a Embratur, no estande institucional do Brasil. “Cabrália vai mostrar à Alemanha o que aconteceu depois da passagem da seleção daquele país na Copa do Mundo de 2014”, afirma Fernando Oliveira, secretário de Turismo do município. O prefeito Jorge Pontes e Oliveira vão buscar uma agenda com o governo alemão para fazer a doação.

A ITB Berlim reúne profissionais dos mais variados segmentos do setor para fechamento de negócios, apresentação de novos produtos, participação em seminários, congressos, entre outras atividades.

Diogo Medrado, presidente da Bahiatursa, afirma que a presença da Bahia na ITB Berlim servirá para o fomento dos voos da companhia aérea Condor, de Frankfurt para Salvador, e consolidar as frequências da Air Europa e da TAP para a capital baiana.

“A Alemanha ocupa hoje a quinta posição no ranking dos países emissores de visitantes para a Bahia. Por isso é fundamental a participação do Estado na ITB Berlim, para a divulgação da diversidade de atrativos existentes nas 13 zonas turísticas baianas”, afirma Medrado.

Mais Notícias