Duas baianas concorrem ao posto de Globeleza 2014

globeleza-321x320

As baianas,  Nara Carvalho e Kamylla Ferraz, concorrem com outras oito finalistas o título de Globeleza 2014.  Elas foram selecionadas em todo o Brasil pelos olheiros do Fantástico para o telespectador escolha qual será a musa do carnaval. Quatro mil mulheres mandaram inscrições.

Nara Carvalho tem 26 anos, é natural de Salvador. Ela é estudante e diz que gostaria de ser a Globeleza porque acha o  nú artístico perfeito.

Kamylla Ferraz tem 22 anos, é natural de Salvador. Ela trabalha como recepcionista e faz trabalhos de dança.

Comentários

Mais notícias

Abertura do CEU leva esporte, arte e cidadania para a Urbis IV

Centro_de_Artes_e_Esportes_Unificado_CEU_construído_na_Urbis_IV_-_Foto_Pedro_Augusto_1

A Prefeitura de Itabuna realizou, nesta quarta-feira (17), no bairro Urbis IV, a cerimônia de abertura e entrega definitiva do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) daquele bairro. O equipamento possui áreas de lazer, recreação, pista de skate, um centro de referência em Assistência Social, um telecentro digital com 12 computadores com acesso à Internet banda larga, além de quadra poliesportiva, uma biblioteca e um cineteatro com capacidade para 180 pessoas. O evento de abertura e entrega contou com as presenças do chefe regional do Ministério da Cultura (Minc) para a Bahia e Sergipe, Luiz Henrique Santos Oliveira Sena, representando a ministra interina da Cultura, Ana Cristina da Cunha Wanzeler; do prefeito de Itabuna, Claudevane Moreira Leite; do vice-prefeito Wenceslau Augusto Junior; do presidente da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), Roberto José da  Silva; do secretário municipal do secretário de Esporte e Recreação, Ewans Maxwell e do secretário de Assistência Social, José Carlos Trindade.

 O presidente da FICC, Roberto José da Silva, disse que o Centro de Artes e Esportes Unificados é um espaço priviliegiado, através do qual será evidenciado a todo o momento o protagonismo juvenil, “visando a redução das vulnerabilidades que, por tabela, reduzirão os índices de violência de nossa cidade”. Roberto José disse ainda que “esse não é o único instrumento de redução de vulnerabilidades que nós temos em nossa cidade. Temos o Viv-à-rte, envolvendo mais de 5 mil pessoas ali incluídas e a Casa das Artes no Centro da cidade, com mais de 2 mil pessoas atendidas”.

 O prefeito de Itabuna, Claudevane Moreira Leite disse que “a abertura definitiva do CEU da Urbis IV foi um esforço muito grande não só do governo municipal, mas, sobretudo, do governo federal”, evidenciando que o próprio nome (“CEU”) é muito sugestivo, uma vez que muitas atividades culturais, artísticas, esportivas e recreativas serão ali realizadas.

 O chefe regional do Ministério da Cultural para a Bahia e Sergipe fez a leitura de uma carta enviada pela ministra interina, Ana Cristina da Cunha Wanzeler. Pela carta, a ministra externa sua felicidade em inaugurar o segundo Centro de Artes e Esportes Unificados da Bahia: “É uma grande satisfação inaugurar um CEU em Itabuna. Acompanho de muito perto a inauguração dos CEU’s pelo Brasil. Nós apostamos firmemente no potencial que têm de fazerem a diferença na vida das pessoas. Por isso, o Minc está construindo 340 espaços como este de Itabuna, em todas as regiões do país, em aproximadamente 280 cidades do interior do Brasil”. Para a ministra, “os CEU’s são um espaço de descobertas de talentos para as artes. Quantas pessoas com uma enorme aptidão para as artes muitas vezes acabam não desenvolvendo seus talentos por falta de oportunidades?”, questionou.

 A cerimônia de abertura contou ainda com a apresentação do saxofonista Vanderlei Arcanjo, que executou grandes composições da música popular brasileira. O grupo de capoeira Raça também se apresentou. Quadros pintados pelo artista plástico Geilton Conceição também foram expostos no foyer do cineteatro e o público foi presenteado com degustação de acarajé e pipoca, distribuídos gratuitamente.

 O poeta e ator Antônio Oliveira, morador do bairro e membro do Colegiado Setorial de Cultura do Estado da Bahia, disse que “a conquista desse espaço foi fruto de muito trabalho. O governo anterior passou um ano com a ordem de serviço em mão e não deu continuidade e em 2013 teve a mudança de governo e aí conversamos com o prefeito para que ele não deixasse escapar essa oportunidade. O prefeito abraçou a causa e hoje, com a força coletiva, tivemos esse resultado”.

 A partir de agora, o CEU estará funcionando todos os dias, sempre das 8h às 21h, com vários serviços e projetos acessíveis para a população não só da Urbis IV, mas também do Lomanto, Maria Matos, Morumbi, Nova Itabuna, Campo Formoso, Sinval Palmeira, Jorge Amado, Ferradas e Nova Ferradas.

Após cantar e dançar em seu show, Ivete Sangalo fala sobre carreira artística do filho Marcelo

ivete_marcelo-396x320

Não é segredo que além de cantora de sucesso, Ivete Sangalo é uma mãezona para Marcelo, de 5 anos. E tamanha conexão rendeu uma participação do menino no palco da diva do axé em show no Rio de Janeiro no último domingo (15). Durante a apresentação, o menino cantou e dançou.  Nos bastidores do Sai do Chão, Ivete Sangalo não esconde a devoção pelo pequeno, mas afasta a ideia de uma participação de Marcelo em seus discos e até de uma carreira musical em um futuro próximo.

“Não sei, não sei… É muito pequenininho ainda. Não vou submeter ele a isso. Tem total veia artística, mas ele é criança. Então é no tempo dele. Criança tem um tempo diferente de adulto”, explica a cantora, que foi uma das convidadas de Márcio Victor, do Psirico. Ivete Sangalo pode não querer forçar o filho a engrenar na música tão cedo, mas admite com felicidade sua influência sobre o pequeno: “Ele vai sempre fazer parte disso. Ele já é parte disso. É meu filho, nasceu na música”.

Inscrições para o Águia da Cultura encerram nesta sexta

Águia-da-Cultura-Foto-Gidelzo-Silva-21-300x200

Ilhéus – Encerram nesta sexta-feira (19/12) as inscrições para o projeto Águia da Cultura que tem o objetivo de divulgar a produção cultural local com apresentações de música, teatro e dança. Quem tiver interesse em participar do projeto deve se  Os interessados devem se dirigir à Secretaria Municipal de Cultura (Secult), Rua Jorge Amado, Centro, 21, no período das 9 às 17 horas e levar um currículo portfólio.

O projeto é promovido pela Prefeitura de Ilhéus e conta com a parceria da empresa de transportes Águia Branca.

Mais informações: (73) 3231 7531,  secultilheus@gmail.com

Mais Notícias