Itabuna adere a consórcio de saúde e terá policlínica Regional

O governador da Bahia, Rui Costa e o prefeito de Itabuna, assinaram na sexta-feira (19), o protocolo de intenções dos Consórcios Públicos de Saúde do Sul da Bahia, que tem a adesão de outros 20 municípios e abre perspectiva para implantação de uma Policlínica Regional com investimentos de R$ 24 milhões. A solenidade que reuniu o vice-governador João Leão, parlamentares e prefeitos da região foi realizada no auditório do Cetep Litoral Sul II, em Itabuna.
O prefeito Fernando Gomes considerou a data importante para um avanço na área da saúde na região e que consolida Itabuna como um polo de atendimento e referência na prestação de serviços de saúde no Sul da Bahia. Ele agradeceu ao apoio do governador Rui Costa que vem realizando obras na região e está concluindo a barragem do rio Colônia, que vai garantir o abastecimento de água para a população itabunense e acaba de autorizar a conclusão do Teatro Municipal. Em março o prefeito prometeu iniciar o asfaltamento dos diversos bairros da cidade em parceria com o Estado.
No modelo proposto para o consórcio e na implantação da policlínica, o Estado fica responsável pela construção e aquisição dos equipamentos das unidades, além de cofinanciar até 40% da manutenção, enquanto os municípios consorciados irão ratear o restante na proporção das suas respectivas populações.
O governador Rui Costa destacou que os consórcios propõem um novo modelo de financiamento e gestão dos serviços de saúde com o objetivo de ampliar e descentralizar a assistência, ajudando a reequilibrar as finanças municipais. Ele complementou salientando que os consórcios vão ficar responsáveis pela gestão das 28 policlínicas que serão construídas pelo Governo do Estado, sendo uma delas em Itabuna, com até 13 especialidades, 32 serviços e equipamentos, como tomógrafos e aparelho de ressonância magnética, para rastreamento de câncer de mama e outros exames.
Rui Costa anunciou um investimento de R$ 5 milhões em Itabuna num projeto de educação integrada que vai incluir cinco unidades escolares ocupando uma área de 60 mil metros quadrados com uma proposta inovadora para um campus educacional. O projeto inclui a construção de biblioteca, laboratórios, quadras cobertas e espaço para debates e palestras. O governador também destacou a importância da parceria com a prefeitura municipal e que tem se traduzido em obras em benefício da população.

Comentários

Mais notícias

Mais Notícias