Juiz do interior da Bahia publica sentença em versos para decidir posse de sanfona

Um juiz de Direito do município de Senhor do Bonfim, situado a 375 quilômetros de Salvador, escreveu uma sentença em versos e publicou na última sexta-feira (23).

A sentença-poema foi dada para determinar quem ficaria com uma sanfona, que teria supostamente sido roubada há três anos e estava sendo disputada por dois músicos.

A ação foi ajuizada por um sanfoneiro chamado Nivaldo, que alegava ser dono do instrumento.

“Nilvado o direito é seu, como fiel depositário, visto o seu opositor não ter provado o contrário. Até que se finde a contenda, delegado me atenda, como da outra vez foi buscar a bela sanfona do povo, vá agora entregar”, determinou o juiz Teomar Almeida de Oliveira.

Leia a sentença na íntegra, publicada pelo site jurídico Migalhas.

Comentários

Mais notícias

EUA dizem ter discutido Venezuela com Bolsonaro

Após falar com Trump, presidente eleito conversa com o secretário de Estado americano sobre a colaboração em questões prioritárias, incluindo a Venezuela. General do governo Bolsonaro descarta ação militar contra Maduro. © Reuters/L. Millis Bolsonaro recebeu ligações de Mike Pompeo (à … Continua

Mais Notícias