Reforma trabalhista é aprovada pelo Senado

Após protestos durante todo o dia, o texto-base do projeto da Reforma Trabalhista foi aprovado pelo Senado Federal nesta terça-feira (11). Foram computados 50 votos a favor, 26 contra e uma abstenção. Para entrar em vigor, o projeto agora precisa ser sancionado pelo presidente, Michel Temer.

A votação havia sido suspensa por seis horas, após senadoras da oposição terem ocupado a mesa do plenário. Cinco minutos depois da confusão as luzes do Plenário foram apagadas. Ainda não se sabe de quem partiu a ordem para desligar as lâmpadas e a assessoria do o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), não se posicionou sobre o fato.

A sessão foi retomada pouco mais das 18h, após Oliveira ter conseguido retomar seu lugar na mesa do Plenário.

Varela

Comentários

Mais notícias

Maria Alice e Fernando Gomes deixam Democratas

Na tarde desta segunda-feira (07), a presidente do partido Democratas, Maria Alice Araújo, o prefeito Fernando Gomes e todo o diretório do DEM se desfiliaram oficialmente do partido. Em reunião extraordinária, e última presidindo o Democratas, Maria Alice pediu exoneração … Continua

Mais Notícias