Reforma trabalhista é aprovada pelo Senado

Após protestos durante todo o dia, o texto-base do projeto da Reforma Trabalhista foi aprovado pelo Senado Federal nesta terça-feira (11). Foram computados 50 votos a favor, 26 contra e uma abstenção. Para entrar em vigor, o projeto agora precisa ser sancionado pelo presidente, Michel Temer.

A votação havia sido suspensa por seis horas, após senadoras da oposição terem ocupado a mesa do plenário. Cinco minutos depois da confusão as luzes do Plenário foram apagadas. Ainda não se sabe de quem partiu a ordem para desligar as lâmpadas e a assessoria do o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), não se posicionou sobre o fato.

A sessão foi retomada pouco mais das 18h, após Oliveira ter conseguido retomar seu lugar na mesa do Plenário.

Varela

Comentários

Mais notícias

TCM aprova contas de cinco prefeituras

Na sessão desta quinta-feira (07/12), o Tribunal de Contas dos Municípios aprovou com ressalvas as contas das prefeituras de Barrocas, Jaguaripe, Maraú, Oliveira dos Brejinhos e Santana, da responsabilidade de José Almir Queiroz, Heráclito Arandas, Maria das Graças Viana, Clériston … Continua

TCM rejeita contas de Itapé e Itarantim

O Tribunal de Contas dos Municípios, nesta quarta-feira (06/12), rejeitou as contas das prefeituras de Itapé e Itarantim, da responsabilidade de Pedro Jackson Almeida e Paulo Fernandes Souto, ambas relativas ao exercício de 2016, em razão do descumprimento do artigo … Continua

Mais Notícias